Archives for posts with tag: casa 7

No dia 07/12/13 a Sobreurbana realizou o primeiro Jane’s Walk Goiânia, na Av. Cora Coralina, como parte das atividades do Casa 7 Aberta. Além de depoimentos gravados em vídeo durante todo o passeio, realizamos um questionário com os participantes, cujo resultado trazemos neste post e acreditamos que seja uma boa forma de entender um pouco mais sobre esse fragmento da cidade. O Jane’s Walk é um projeto criado em 2007 em Toronto, sob forte inspiração do trabalho de Jane Jacobs. O objetivo dos passeios é levar as pessoas para as ruas para que elas conheçam melhor as cidades onde vivem. Abaixo, um registro sobre o passeio em Goiânia.

Foto by Júlia Mariano

Foto by Júlia Mariano

O questionário proposto trazia oito perguntas objetivas sobre a avenida e outras 2 perguntas sobre a experiência do Jane’s Walk. Foi unânime a satisfação com o passeio: todos responderam que o Jane’s Walk mudou a forma de se relacionarem com a cidade e que participariam de outros passeios, deixando como sugestões os seguintes itinerários: Praça Universitária; Rua 20, Centro; Campinas; Vila Cultural; Rua do Lazer. Essas sugestões refletem os lugares que são caros para as pessoas que participaram do passeio: são lugares pela cidade que, segundo elas, merecem mais atenção, reflexão, ação. E você, concorda que esses lugares citados precisam das nossas vozes e corpos pela rua? A Sobreurbana concorda e em breve fará um segundo Jane’s Walk Goiânia para lhes dar a oportunidade de dizerem tudo o que pensam sobre eles, estejam atentos!

Sobre a Avenida Cora Coralina, não houve surpresa nas respostas. A maioria das pessoas revelou que reconhece quando passa pela avenida mas que tem dificuldade de se orientar em relação a seus pontos referenciais. Perguntados sobre qual ponto de referência usariam para localizar a avenida, metade das pessoas citou a Universo, seguida da Praça Cívica, avenidas 84 e 85 e o Ed. Leonardo Rizzo. Também a metade revelou que usa a avenida somente às vezes e como local de passagem. Mesmo assim, não se sentem acolhidos transitando de carro, moto, à pé ou de bicicleta. Nem tão pouco usufruindo de suas áreas verdes. Por fim, a maioria disse que não acha a Av. Cora Coralina uma avenida típica do Setor Sul e que sua construção piorou a qualidade do bairro. Vários depoimentos ao longo do passeio trouxeram com saudosismo lembranças sobre tempos de qualidade vividos no Setor Sul. Mas também refletimos bastante sobre a nossa responsabilidade em fazermos a cidade que queremos, no cuidado com os espaços públicos e nas relações de vizinhança. Por fim, encerramos o passeio com um chamamento que repetimos aqui agora: precisamos nos mobilizar pela nossa cidade. Se você está insatisfeito sobre a forma como sua cidade está sendo gerida então você precisa se engajar pela transformação desse cenário. A cidade é o que nós fazemos dela. Faça você a mudança que você quer ver no seu bairro, junte-se a alguma organização que luta pelos direitos urbanos, junte-se a nós da Sobreurbana e vamos fazer uma Goiânia melhor!

Esperamos com a realização desse e dos próximos Jane’s Walks contribuir para o engajamento das pessoas pela cidade. Nossa intenção é levar as pessoas para a rua, para sentirem a cidade e conversarem sobre seus problemas e maravilhas. Acreditamos que essa é uma forma de conhecermos melhor o espaço em que vivemos e de nos fortalecermos enquanto agentes urbanos.

 

 

 

 

 

A primeira edição do Casa 7 Aberta foi tão bacana que já estamos chamando de primeira edição: queremos mais!

Adoramos receber os amigos, parceiros e desconhecidos em nossa casa, falar de nossas ideias malucas (porém todas muito bem intencionadas!), ouvir sugestões, críticas, músicas, poesias, gritos de crianças e de gente alegre, muito alegre.

Nosso Jane’s Walk foi um sucesso! O passeio durou cerca de uma hora, percorremos toda a Av. Cora Coralina, numa deliciosa tarde de sol e de engajamento cívico. Ainda fomos agraciados pela coincidência de nossa rota combinar com a do Pedal Outdoor, ocupando a avenida com pedestres e ciclistas. Em breve postaremos o resultado do questionário aplicado aos participantes do Jane’s Walk, com sugestões para um novo passeio.

O Casa 7 Aberta contou com a parceria de pessoas muito queridas, que não podem ficar sem nossos mais sinceros agradecimentos: Marcelo Dakí que coloriu de inventividades nossa parede (exposição aberta, galera, venham conferir); Áureo Rosa que acrescentou poesia e goianidade colando seus lambes pela Av. Cora Coralina; Letra Livre que nos encheu de poesia e música; Café Português que deixou todo mundo querendo mais de seus deliciosos pasteizinhos de Belém; Alex Cunha que embebedou todo mundo com uns bons drinks; Lyzza Cássia com a produção de palco, som e luz; Júlia Mariano com o registro fotográfico; Sophia Pinheiro com uma ilustração linda pra nosso cartaz; Michele Mariano com musiquetes; murAU com sua participação fundamental no Jane’s Walk; Lucas Ribeiro, Fabiana Nunes e outros amigos que vão me perdoar por eu não ter citado aqui mas que sabem da nossa gratidão e amizade. E claro, a todos que vieram dividir conosco essa linda tarde noitinha que deixou muita saudade 🙂

E que venham mais parcerias e ideias loucas de transformação. A cidade é nossa!!! E nossa casa continua sempre aberta para quem nos quiser visitar.

 

casa7

Nossa busca para achar sede para a Sobreurbana não foi fácil. Passamos meses consultando anúncios em jornais e na internet e visitamos dezenas de casas. Apaixonamo-nos por algumas, mas nunca foi aquele amor correspondido: ou se faziam muito caras ou ficavam com o primeiro interessado que aparecesse. Mas sabíamos que nunca era exatamente o que procurávamos, algo que também não sabíamos exatamente o que era. E como numa qualquer história de amor, quando menos esperávamos, quando não a procuravamos, a Casa 7 foi-nos apresentada.

Casa 7 é um espaço profissional compartilhado por um pequeno grupo de empresas, entidades e iniciativas que trabalham temas relacionados com eventos, cultura, urbanismo e ação social. Localizada numa zona bem central de Goiânia, oferece um ambiente de trabalho informal e descontraído. O seu interior é repleto de pequenos tesouros: câmaras fotográficas antigas, projetores Super 8, rádios, telefones, vitrolas do século passado. Tudo lá dentro, das pessoas aos objetos, inspira!

No dia 7 de Dezembro, em conjunto com os outros residentes, organizamos a primeira Casa 7 Aberta para que você possa conhecer nosso espaço e fazer parte dele com suas ideias, sua disposição e sua vontade de mudar o mundo.

Confira aqui nossa programação e confirme sua presença!

É com muito orgulho que anunciamos a concretização da nossa primeira sede!

Juntamo-nos a um grupo de pessoas empreendedoras e colaborativas, em uma casa incrível, decorada por uma rica coleção de objetos antigos e interessantes, a Casa 7.

IMG_2325

Um dos curiosos cantinhos da Casa 7, venham ver?!

Para dividir essa alegria com todos que, como nós, acreditam no poder da criatividade das multidões, vamos abrir as portas da Casa 7 e ocupar a rua, oferecendo uma programação cheia de interações com a cidade. Dia 07 de dezembro, aguardamos todos vocês para o Casa 7 Aberta, numa rica tarde de sábado, a partir das 16h.

A primeira atividade confirmada tem selo canadense e tempero goiano: o Jane’s Walk Goiânia.  O projeto Jane’s Walk promove passeios comunitários para discutir sobre a qualidade do ambiente urbano e a forma com que nos relacionamos com ele, construindo assim vizinhanças fortes e criativas. O projeto foi criado em 2007 em Toronto por amigos da lendária Jane Jacobs, autora do célebre livro “Morte e Vida das Grandes Cidades”. Desde então já foram realizadas mais de 600 edições no mundo inteiro, inclusive uma em São Paulo, em 2011.

DSC02433

Avenida Cora Coralina. Como habitar?

E pra combinar melhor com nosso novo lar, em breve teremos nossa nova identidade visual, que está sendo preparada com muito carinho e estilo pela talentosa Sophia Pinheiro.

Aguardem!