O Complexo Biourban Bairro Amarelo, idealizado e conduzido pelo cientista político e artista plástico Jefferson Anderson, utiliza a arte e o fortalecimento da cidadania como meios de transformação da comunidade. O projeto, já  premiado internacionalmente, começou com a ocupação de uma escadaria, transformando-a num lugar de convivência, possível pela integração entre os moradores. Hoje o complexo inclui além da escadaria, um centro polifuncional público e uma ocupação habitacional em um prédio antes inutilizado.

biourban2

biourban

Em Belo Horizonte, a centenas de quilômetros do mar, uma praia no centro da cidade: a Praia da Estação. Ocupação iniciada em 2010, fortemente motivada por um decreto municipal que proibia eventos de qualquer natureza na Praça da Estação. Desde então a praia de BH reúne animados banhistas todos os sábados. Tamanho foi o sucesso que no ano seguinte o prefeito sancionou a Lei da Praça Livre, liberando os espaços públicos de BH para pequenos eventos. Para continuar vencendo outras batalhas urbanas, os banhistas mantém o bronzeado e o posicionamento político, sol a sol, decreto após decreto: a praça é do povo.

img_4559

O que essas duas iniciativas têm em comum? Militância urbanística! Sonhos de ocupação, realidades de resistência.