IMG_6495

Jane’s Walk é um movimento global inspirado nas ideias de Jane Jacobs e que promove passeios a pé com o propósito de explorar e descobrir a cidade e fortalecer a comunidade. O Festival Jane’s Walk é realizado anualmente na altura do aniversário de Jane Jacobs e promove centenas de passeios em simultâneo em cidades de todo o mundo. Em 2015, Goiânia participou pela segunda vez consecutiva no Festival Jane’s Walk com dois passeios.

O primeiro passeio do festival foi conduzido pela Carol Farias, da Sobreurbana, no Setor Sul. O Setor Sul é extremamente sedutor pela enorme quantidade de áreas verdes e quase ausência de prédios, apesar da sua grande centralidade na cidade, pelas vielas que constantemente nos surpreendem e pela extraordinária arte urbana que tem invadido seus muros ao longo dos últimos anos. Foi a 3ª vez que conduzimos um passeio por este bairro, sempre explorando percursos diferentes. Dos 7 Jane’s Walks realizados até hoje, este foi o mais popular, com maior adesão e diversidade, contando com mais de 50 participantes, entre eles: um funcionário do alto escalão da Prefeitura de Goiânia, uma mãe com carrinho de bebê, um cego, crianças, jovens, adultos, vários moradores que pegaram no megafone para compartilhar histórias do bairro.

O segundo passeio foi realizado na Vila Nova e conduzido pela arquiteta Gabriela Silveira, ex-moradora do bairro. O Setor Vila Nova é dos bairros mais tradicionais de Goiânia, construído desde o início para abrigar os trabalhadores que vieram para construir a cidade. Apesar da sua importância, pouco se sabe sobre a Vila Nova e de um total de 17 participantes, quase todos entraram pela primeira vez no mercado e no Parque Botafogo.

No final dos passeios, foi consensual, mesmo entre os que moram, trabalham ou circulam diariamente naqueles bairros, que esta experiência mudou a sua relação com a região e a com a cidade. Foi unânime também o interesse em participar de um próximo Jane’s Walk, e entre as várias sugestões para um novo passeio destacou-se, de longe, o Centro. Será este o nosso próximo destino?